Alimentação para idosos: dicas e tendências

Atividades que promovem um envelhecimento ativo e saudável
19 de fevereiro de 2019

Alimentação para idosos: dicas e tendências

A regra é clara: nasceu, vai envelhecer.

Nós envelhecemos um pouco mais a cada dia que passa e os hábitos que temos hoje terão influência direta na nossa qualidade de vida lá na frente. O ideal é que, desde novos, tenhamos consciência disso e cuidemos do nosso corpo em geral. Seja com uma boa alimentação, exercícios físicos regularmente, cuidado com nossa saúde mental e emocional, etc. Tudo isso terá uma consequência positiva para nós quando a idade estiver chegando.

Mesmo que você leve a vida de uma forma saudável durante a juventude, não tem jeito… Conforme os anos vão passando, a tendência é que seu corpo passe a trabalhar de forma diferente. A quantidade de exercício físico diminui, a disposição para a rotina cansativa do dia a dia se torna cada vez menor e, para completar, o metabolismo fica mais lento. Por isso, existem certos tipos de alimentos e atitudes que se tornam essenciais para ajudar na digestão e tornar a vida do idoso mais fácil. Separamos cincos dicas para vocês!

1- Dentre as comidas que os idosos devem ingerir todos os dias, estão: leite e derivados; frutas, verduras e legumes; alimentos integrais e chás claros;
2- Tenha horários para comer e crie sua rotina;
3- Dê preferência a comidas frescas;
4- Modere no sal, açúcar, gorduras e óleos;
5- Beba bastante água.

Nunca é tarde para criar bons hábitos. Portanto, se você não os teve até aqui, pode começar AGORA! E, se você já está na fase da maturidade, Vamos mudar e melhorar sua qualidade de vida. Conforme a senilidade vai se aproximando, algumas das funções básicas do nosso corpo passam a trabalhar com mais dificuldade. Os hormônios que ajudam na digestão, por exemplo, são produzidos em menor quantidade. O intestino perde força muscular, o que pode causar dor e a dificuldade da digestão. Por isso é tão importante a ingestão de nutrientes que ajudarão nesse processo.

Existem diversas outras formas para garantir uma boa fase sênior, estes são algumas, que, combinados com outros métodos, podem te trazer bem-estar, menos problemas de saúde e dores crônicas.

Você tem o costume de seguir um desses passos no seu dia a dia? Tem algum outro que considera essencial? Conta para a gente aqui nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *